O Carnaval, de forma geral, é a celebração do saber e do fazer, devidamente enraizado em um cotidiano de muitas comunidades, de muitas vivências coletivas e, sim, práticas sociais, culturais, recreativas, inclusão...

Tão importante que é caracterizado por bens culturais protegidos pelo Iphan.

Através dele, e por ele, o asfalto subiu o morro, em busca dos rituais, das festas e das celebrações. Dali muitos saberes e fazeres brotaram e se espalharam asfalto afora.

Rituais tão antigos como a vida, que sempre é celebrada, de formas diferentes, em momentos diferentes, em lugares diferentes, e que, mesmo inconscientemente, socializa, transmite saberes, fomenta, empodera, enriquece  (de forma imaterial) aquele que a eles se aproximam.

ITAQUERENDO_FOLIA_34
ITAQUERENDO_FOLIA_28
ITAQUERENDO_FOLIA_23
ITAQUERENDO_FOLIA_24
ITAQUERENDO_FOLIA_17
ITAQUERENDO_FOLIA_26
ITAQUERENDO_FOLIA_12
ITAQUERENDO_FOLIA_18
ITAQUERENDO_FOLIA_15
ITAQUERENDO_FOLIA_016
ITAQUERENDO_FOLIA_14
ITAQUERENDO_FOLIA_09
ITAQUERENDO_FOLIA_11
ITAQUERENDO_FOLIA_13
ITAQUERENDO_FOLIA_10
ITAQUERENDO_FOLIA_05
ITAQUERENDO_FOLIA_03
ITAQUERENDO_2017
ITAQUERENDO_FOLIA_04
ITAQUERENDO_FOLIA_08
ITAQUERENDO_FOLIA_07
ITAQUERENDO_FOLIA_06
ITAQUERENDO_FOLIA_01